3 formas de tirar Cera do Ouvido

Preparamos para você um artigo especial onde você terá acesso a 3 formas de tirar cera do ouvido. Sabemos que a cera é uma das causas mais simples de zumbido no ouvido, que tem como causas, várias outras doenças também. Alguns medicamentos ajudam a amolecer o cerumem facilitando a retirada do excesso de cera, em casa mesmo.

3-formas-de-tirar-cera-do-ouvidoOuvido entupido por excesso de cera pode provocar no indivíduo, dor e sons bastante incômodos, contudo, a lavagem de ouvido não seve ser feita de qualquer maneira. O uso de cotonetes por exemplo, não é muito recomendado pelos médicos, assim como:

  • Grampos
  • Objetos pontiagudos como palitos
  • canetas,
  • chaves e outros.

Além de empurrar a cera, estes objetos podem perfurar o tímpano e consequentemente provocar danos muito sérios ao ouvido, o que pode causar infecções, comprometer a audição e aumentar as chances de desenvolver zumbidos difíceis de tratar

Muitas pessoas fazem a lavagem caseira com o uso de uma ceringa, enquanto muitas outras optam pelo uso do cone chinês que é considerado como um tratamento milenar para desentupir ouvidos bastante eficiente.

Porque temos cera no ouvido?

Você sabe porque temos cera no ouvido? Ela tem a função de proteger o ouvido, diminuindo as possibilidades da entrada de fungos e bactérias causadoras de infecções.

porque-temos-cera-no-ouvidoTambém conhecida como cerume ou cerúmen, a cera no ouvido também diminui a quantidade de poeira e micro-organismos que tentem entrar no canal auditivo. Com o pH ácido, a cera é produzida pelas glândulas sebáceas do ouvido externo. Quando produzida em excesso, a cera acumula no canal auditivo provocando a surdez por condução, ou seja, a surdez que acontece quando algo impede a passagem do som externo para o ouvido interno. Neste caso é necessário fazer a remoção, que dependendo da gravidade deve ser feita em consultório médico.

Quando se faz a remoção da cera do ouvido, por alguns dias, o ouvido médio fica propenso a desenvolver certas infecções como por exemplo a otite. É importante também ressaltar que quanto mais removemos a cera, mais as glândulas sebáceas entendem que devem produzir mais e aumentam a quantidade desta produção. A quantidade de cera deve ser moderada uma vez que a falta assim como excesso, são prejudiciais. Muita cera no ouvido provoca a surdez e zumbido no ouvido enquanto a falta de cera pode causar problemas como eczema, otite, exostose e osteomas do meato

Formas de Retirar a cera do Ouvido

Agora que você já sabe a importância e o que causa cera no ouvido conheça 3 formas de tirar a cerado ouvido de forma segura e sem colocar em risco a sua audição.

retirar-cera-do-ouvido

  1. Remédios para tirar cera do ouvido – O uso de alguns medicamentos para amolecer a cera é normalmente recomendado pelos otorrinos, a fim de facilitar a retirada pelo próprio paciente, em casa mesmo. O Cerumin é o medicamento mais recomendado. Ele pode ser encontrado facilmente em farmácias e drogarias, mas embora seja vendido sem receita médica, não é recomendado o seu uso sem antes fazer uma consulta. Este tipo de medicamento é indicado para casos de infecções e dor de ouvido, mas é importante fazer um diagnóstico antes de começar o tratamento. Soro fisiológico, óleos vegetais e minerais também podem ser utilizados. Como usar? Basta pingar algumas gotinhas, tapar o ouvido com um pedaço de algodão e deixar agir por cerca de 15 minutos.
  2. Lavagem do ouvido – Para fazer a lavagem do ouvido e retirar o excesso de cera, você pode utilizar o soro fisiológico em temperatura ambiente. Você pinga cinco gotinhas. Usando um limpador nasal (destes que se usa para bebê) jogue uma pequena quantidade de soro no ouvido e abaixe a cabeça de lado para sair a água suja. A cera costuma sair aí mesmo junto à água e você pode puxá-la com uma pinça, se preferir, mas com cuidado para fazer isto. Ok! Você pode fazer este procedimento por até 3 vezes, se não funcionar, já não insista e busque logo a ajuda de um médico otorrino.
  3. Cone chines – Terapeutas da medicina chinesa têm recomendado este método, como o mais indicado para a remoção da cera do canal auditivo. Contudo, este não é um método para se fazer em casa. Ele deve ser feito por um profissional especializado neste tipo de tratamento. Para fazer a retirada, o paciente é deitado de maneira que o ouvido entupido fique virado para cima. O cone será acendido e será posicionado de maneira que o calor chegue até a cera, a fazendo amolecer. De acordo que ela vai dissolvendo, vai se grudando ao cone. Com apenas 15 minutos é possível que todo o excesso de cera seja retirado, mas o paciente pode vir a sentir um pouco de dor de cabeça como efeito colateral do aquecimento interno do ouvido. O procedimento com o cone chines somente não deve ser feito em pessoas menores de 12 anos.

Leave a Reply