Zumbido no Ouvido: Quando procurar um médico 

Quando procurar um médico Quando procurar um médico quando está com ruídos no ouvido? Especialistas apontam que existem tipos diferentes de tratamento para o zumbido no ouvido e garantem que os sintomas devem ser tratados com rapidez afim de evitar transtornos e os incômodos causados por ele. A estimativa  é de que pelo menos de 28 milhões de brasileiros sofram com esta condição, que quando é suportável, passa despercebida e é simplesmente ignorada.  A pesar de serem apenas sintomas, é importante buscar orientação médica. É importante ainda lembrar que o zumbido pode representar uma série de doenças, desde as mais simples até doenças muito sérias. 

A Perda de audição e zumbido são palavas que caminham juntas, isto porque na maior parte dos casos do sintoma, a causa está relacionada a problemas com a audição. É importante saber mais sobre o assunto, identificar a causa correta e é esta a finalidade de buscar um especialista da sua confiança para ajudar a identificar o que está acontecendo com o seu corpo através do zumbido.

O que é zumbido ? 

Para quem não é sabe o que é zumbido no ouvido, ele é o sintoma de alguma doença, grave ou não, ou ainda, o efeito colateral de algum medicamento. Em maior parte dos casos, trata-se de uma perda auditiva, que também podem acontecer por razões diferentes também. Quando por exemplo, elas atuam de maneira hiperativa para compensar a disfunção auditiva, acabam produzindo os ruídos que caracterizamos como o zumbido. 

O zumbido pode acontecer em qualquer outra idade, em diferentes volumes e tipos de sons. Em média, 70% dos casos, acontece com o baixo volume de pessoas adultas, jovens e com boa saúde. 

O incômodo gerado pelo zumbido pode ser semelhante a uma diversidade de sons como de vozes humanas, de água corrente, apito, assovio e eco. O zumbido pode relacionar-se não apenas com as doenças auditivas, mas também com doenças nas proximidades do ouvido. Otorrinos de todo o mundo alertam para a importância da busca de ajuda para acabar com o problema. Já existe no Brasil, o dia nacional de combate ao zumbido, que é dia 11 de  Novembro . 

Causas comuns de Zumbido  

canais-auditivosDentre as várias causas de zumbido estão os tumores nos ouvidos, problemas de metabolismo, diabetes, hipertensão e  problemas nas glândulas da  tireoide, mas a causa mais comum é ainda a perda de audição, independente de sua intensidade. 

  • A exposição  a ruídos muito altos por tempo prolongado, com o decorrer do tempo pode comprometer a audição que inicia leve e vai se agravando pouco a pouco. Assim, se você trabalha em ambiente muito barulhento, deve usar um protetor de ouvidos. 
  • Idade avançada é também causa de zumbido; 
  • Cera acumulada no canal auditivo; 
  • Infecções ou inflamações. 

Quando  e  que médico procurar 

Mas quando procurar um médico para tratar o zumbido? Conhecido como tinnitus acufeno, o zumbido pode começar tão sutil que passa despercebido e consequentemente não é tratado. Muitas pessoas quando desenvolvem tal sintoma, não sabem como fazer e é exatamente  sobre isto que  vamos falar a partir de agora. Quando procurar ajuda médica? Como tratar o  Zumbido no ouvido ?   

Aos primeiros sinais e incômodos fora do seu estado normal, o médico deve ser consultado. Para detectar algum problema relacionado ao ouvido, o especialista indicado é um otorrinolaringologista. Ele ajudará a fazer um diagnóstico preciso para tratar uma condição, considerando principalmente uma causa do problema. 

otorrinolaringologistaPara fazer o diagnóstico, o otorrino leva em conta os três tipos existentes do zumbido: 

  • Persistente 
  • Intermitente  
  • Pulsátil  

Estes tipos são classificados de acordo com a forma como acontecem e como interferem na ratina do paciente. A “zueira” no ouvido pode ser incessante, na qual o paciente não consiga raciocinar, concentrar e passa por dificuldades até para dormir. Algumas pessoas escutam em alguns momentos apenas. Há ainda casos em que não apenas o paciente é capaz de sentir, mas o próprio otorrino pode perceber a pulsação de acordo com os batimentos cardíacos. Este é o zumbido  pulsátil, o tipo menos comum de zumbido. 

Outra avaliação feita pelo otorrino é quando o zumbido aparece apenas quando a pessoa está concentrada ou quando está a um ponto de dormir. Este é  também um tipo de sintoma que deve ser visto maior urgência porque é o tipo de zumbido que pode incapacitar o indivíduo. 

Os tratamentos para o zumbido são feitos embasados no que está causando o problema, ou seja, tratamos a causa do problema para garantir um resultado eficaz e satisfatório. Zumbidos por perdas auditivas, por exemplo, são tratados com o uso de medicamentos e aparelhos auditivos.  

No caso de ocorrências do problema por razões metabólicas e emocionais, deve ser feito um tratamento e acompanhamento da causa em questão. Terapias psicológicas são bem-vindas. Os casos de  zumbido por excesso de cera no ouvido, a simples remoção da cera é a solução, o que pode ser feito no consultório médico mesmo. 

Bom, agora você já sabe que quando algo em nosso corpo não anda bem, alguns sintomas tendem a aparecer. No caso do zumbido, ao ouvir o primeiro barulhinho, você não deve ignorar. O zumbido é um destes sintomas que podem caracterizar não apenas uma doença simples, ele pode também representar um tumor nas vias auditivas

As consequências do zumbido podem ser muito graves, por isto aos primeiros sinais, procure um otorrino para ajudar a fazer o diagnóstico e tratar corretamente a causa. 

Leave a Reply